Card. Hummes: Igreja não faz missão de vez em quando, é sempre missionária

De passagem por Roma dias atrás, Dom Claudio falou ao Programa Brasileiro da Rádio Vaticano, trazendo, entre outros assuntos o desafio da missão na realidade amazônica. Antes de situar a Missão Continental na Amazônia, o presidente da Repam dá-nos o contexto em que esse projeto foi proposto pela Conferência de Aparecida.

“A Missão Continental significava uma Igreja na América Latina articulada também na missão, e não apenas cada uma fazendo a sua missão em suas dioceses”, afirma Dom Claudio acrescentando que a missão permanente significava em primeiro lugar que a Igreja não faz apenas de vez em quando a missão, mas ela é sempre missionária. “Dentro deste próprio projeto de uma Missão Continental apareceu a questão da Amazônia”, disse ainda. Vamos ouvir (ouça clicando abaixo).

Cardeal Cláudio Hummes, O.F.M é  presidente da Comissão Episcopal para a Amazônia da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB), também presidente da Repam – Rede Eclesial Pan-Amazônica.

Por Rádio Vaticano 

Portal Terra de Santa Cruz 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s