Memória do 3º Ano da Páscoa de Irmã Laura foi celebrada em Cambuquira/MG

Durante os dias 12 e 13 de fevereiro fiéis participaram das celebrações que homenagearam Irmã Laura Motta, fazendo memória do seu 3º aniversário de morte. Exemplo de vida e santidade nos tempos atuais. Irmã Laura ganhou coração do povo cambuquirense com sua humildade e amor pelas coisas de Deus e acima de tudo sua preocupação e generosidade para com os pobres, excluídos e detentores do vício do álcool.

As celebrações se iniciaram no dia 12 com a recitação do terço na Igreja Nossa Senhora Aparecida no bairro do Marombeiro, Cambuquira/MG. Neste lugar a rua de frente a igreja leva o nome de Rua Irmã Laura, pois o terreno da igreja e as casas vizinhas são frutos do trabalho da intercessora dos alcoólatras que por muitos anos procurava servir nos trabalhos pastorais desta comunidade da paróquia. Neste mesmo dia também foi celebrada na Igreja Matriz de São Sebastião a santa missa em sufrágio de sua alma tendo como presidente da celebração o Reverendíssimo Padre Joaquim Geraldo Azevedo, pároco de Cambuquira/MG.

No dia 13 às 10h da manha, sua Excelência Reverendíssima Dom Diamantino Prata de Carvalho, bispo Emérito da Diocese da Campanha, celebrou a Santa Missa no pátio da casa das Irmãs Marcelina. Em sua homilia Dom Diamantino ressaltou a justiça em favor do povo, principalmente dos pequenos que sofrem sem voz e vez, por várias vezes citou o exemplo de Irmã Laura como mulher caridosa de amor fraca e oprimida, alcoólatras e demais dependentes químicos. Logo após o terço fieis foram até o jazigo de Irmã Laura onde rezaram o santo terço. A cerimônia também contou com a presença de crianças da Escola Municipal Doutor Raul Sá, do Excelentíssimo Ser Prefeito municipal de Cambuquira/MG e demais autoridades civis.  No mesmo dia aconteceu também na Comunidade Evangelizadora Magnificat (CEM) a terceira missa em sufrágio da alma de Irmã Laura, dessa vez presidida pelo Reverendíssimo Padre Pedro Paulo (Pepê), fundador da referida comunidade e o mesmo foi o confessor de Irmã Laura por muitos anos.

Fiéis lembraram que em dois anos será celebrado o centenário de nascimento de Irmã Laura e poderá com o consentimento da Santa Sé e do bispo diocesano da Campanha Dom Pedro Cunha Cruz acontecer o reconhecimento de suas virtudes e sendo assim declarada serva de Deus e consequentemente a abertura do processo de beatificação, tendo em vista a conclusão do tempo de espera para essa ação da igreja junto ao vaticano que são cinco anos.

Fotos:

Foto Capa: Prefeitura Municipal de Cambuquira/MG

Por Portal Terra de Santa Cruz – A serviço da Evangelização 

Anúncios

Uma opinião sobre “Memória do 3º Ano da Páscoa de Irmã Laura foi celebrada em Cambuquira/MG”

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s