GLORIOSO MÁRTIR, SÃO SEBASTIÃO – Por Thiago Augusto da Silva

Quando os ponteiros do relógio marcam meia noite, no dia 31 de dezembro, a vida ganha outra cor, o milagre acontece, tudo o que era velho passou, eis que a vida se renova. Vida nova, ano novo, é janeiro outra vez.

Em Campanha, sul de Minas Gerais, a vida ainda é marcada pelas festas litúrgicas. Festas em louvor ao padroeiro da cidade, aos padroeiros tradicionais das igrejas mais antigas, aos santos, bem-aventurados, servos de Deus e veneráveis da própria região. É um povo que procura consagrar todo o seu tempo às coisas de Deus.

Janeiro traz consigo muitas expectativas, planos, projetos, metas a serem cumpridas ao longo do ano. Mas, para mim, esse mês é especial, por uma festa que me faz retornar à minha infância, festa essa, muito mais tradicional, muito mais antiga. É a festa do glorioso mártir, São Sebastião.

São Sebastião foi capitão da guarda pessoal do imperador Diocleciano. Em um tempo de grande perseguição aos cristãos, testemunhava sua fé e socorria os perseguidos. Fora denunciado ao imperador, atado a uma árvore, ferido por flechas e abandonado como se estivesse morto. Socorrido por uma cristã, ao recobrar a saúde apresentou-se diante do imperador, denunciando as barbaridades ocorridas. Foi espancado com porretes até atingir a coroa do martírio, a 20 de janeiro de 286.

Desde muito pequeno eu frequentei a igreja dedicada a este santo, onde fiz a catequese, a Primeira Eucaristia, onde fui coroinha. Guardo na mente e no coração as quermesses, os bingos, a Banda Marcial Dom Inocêncio apresentando-se no barracão depois das missas. Enquanto coroinha, todo o ano rezava para não chover no dia da procissão. E chovia! Como chovia…

Quando não chovia, a alegria era tamanha, as procissões eram solenes, participativas, piedosas de verdade. As liturgias, bem celebradas, capazes de preencher a alma dos fieis dos mais nobres sentimentos.

Toda igreja cantando: “Glorioso mártir, São Sebastião, dai a seus devotos, firme proteção…”.

A imagem pode conter: 2 pessoas
Imagem de São Sebastião Foto de 20/01/2016

Nos últimos anos, o resgate da procissão com carros de bois pelas ruas da cidade, vem trazendo mais beleza e significado a história e a luta do povo campanhense. Os louvores a Deus sobem aos céus, pelo cantar das rodas dois carros de boi. São imagens que ficaram gravadas com muito carinho na minha memória. Os anos passam rápido demais, estou fora da Campanha a quase sete anos, de janeiro a janeiro, com o tempo marcado pelos sinais da fé, a história vai sendo vivida, guardada no coração.

A vida segue o ritmo da liturgia e, “assim preservados, possamos viver, para seu nome santo, sempre bendizer.”. É janeiro uma vez, que o exemplo deste guerreiro do evangelho, mártir da fé, possa encorajar-nos a anunciar o Evangelho de Jesus Cristo, neste mundo, cada vez mais hostil à mensagem do Divino Mestre.

16176860_1324072224322269_2076581092_n

Por Thiago Augusto da Silva, (Colaborador e Colunista do Portal Terra de Santa Cruz – Campinas-SP)

Campinas, São Paulo, 20 de janeiro de 2017.

PORTAL TERRA DE SANTA CRUZ – A SERVIÇO DA EVANGELIZAÇÃO

Anúncios

Uma opinião sobre “GLORIOSO MÁRTIR, SÃO SEBASTIÃO – Por Thiago Augusto da Silva”

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s