O MILAGRE DO FOGO SANTO: IGREJAS ORTODOXAS CELEBRAM A PÁSCOA

Todas as Igrejas Ortodoxas canônicas celebram este domingo a Páscoa de Nosso Senhor Jesus Cristo, segundo o Calendário Juliano, instituído por Júlio César, no ano 46 a.C.

Ontem, “Grande Sábado ou Sábado Santo”, repetiu-se na Igreja do Santo Sepulcro, em Jerusalém o “milagre do Fogo Sagrado”, considerado por muitos escritores como o mais antigo milagre anual atestado no mundo cristão.

No dia apropriado, ao meio dia, o Patriarca grego-ortodoxo inicia uma procissão solene, juntamente com os membros do clero, entoando hinos. O grupo caminha três vezes em volta do Santo Sepulcro. Uma vez terminada, o Patriarca ou outro Arcebispo ortodoxo recita uma oração específica, remove suas roupas litúrgicas e entra sozinho no sepulcro. Antes de entrar no túmulo de Jesus, o Patriarca é examinado por autoridades israelenses judaicas para provar que ele não carrega consigo nenhum meio artificial para acender o fogo. Esta certificação costumava ser executada por soldados turcos otomanos. Os Arcebispos da Igreja Apostólica Armênia permanecem na ante-câmara, onde o anjo do Senhor estava sentado quando ele apareceu para Maria Madalena após a ressurreição de Jesus . A congregação em seguida canta o Kyrie eleison até que o Fogo Sagrado espontaneamente desça sobre as trinta e três velas brancas amarradas juntas pelo patriarca no período que ele permaneceu sozinho dentro do túmulo de Jesus. O Patriarca então sai do túmulo e recita algumas orações antes de acender ou as 33 ou as 12 velas e as distribui para a congregação. O fogo é considerado pelos fiéis como sendo a chama do poder da ressurreição e também o da sarça ardente no Monte Sinai.

Peregrinos alegam que o Fogo Sagrado não queima o cabelo, face, roupas ou qualquer outra coisa durante os primeiros trinta e três minutos a partir de sua aparição.

o milagre do Fogo Sagrado tem sido documentado desde 1106, mas com referências esporádicas anteriores. A cerimônia é transmitida ao vivo para a Geórgia, Grécia, Ucrânia, Rússia, Romênia, Bielorrússia, Bulgária, Chipre, Líbano e para outros países de tradição ortodoxa, como o Egito. Além disso, o Fogo Sagrado também é levado diretamente para vários desses países anualmente por meio de voos especiais e é recebido com honras pelos governantes.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s